O seu k-idol é racista.

| |
Olá amiguinhos da internet, como estão? Eu não sei vocês mas eu ando em um estado de mudança e evolução d'alma cada vez maior, o que me gera orgulho comigo mesma cada vez mais.
Bom, quem acompanha a mim e ao blog desde o começo, 2012, sabe o quanto de close errado de idol que eu já apoiei, tanto que quando voltei do hiatus do blog fiz um post me expondo em relação a isso. Entre eles o que mais me incomoda é um debate que fiz falando sobre o blackface feito pelo g-dragon do BigBang e hoje vim reparar um grande erro que já devia ter feito em posts passados porém segue o baile. 
Primeiro vamos deixar algo bem claro: O seu idol é racista. E não, não estou brincando, e sim, estou usando generalização. Se você não é maduro o suficiente pra aceitar a realidade sobre seu idol e entender como e quando a generalização é empregada eu já lhe garanto que esse post vai lhe render grande ataque de chilique de fã.
Já não se é de agora que temos provas que a Coreia do Sul é um país amplamente racista. Dentre as "fontes para explicar seu racismo" lendas urbanas contam que ele foi gerado devido ao fato de que antigamente a classe pobre trabalhava exposta ao sol e sua pele ficava com uma pigmentação mais escura enquanto os nobres estavam sempre resguardados e com pele alva. Dai vem o pavos e obsessão por peles claras que os coreanos possuem. Porem sabemos muito bem que o povo coreano segue a linha de "raça pura" isso lhe lembra algo? e não curtem muito lá a ideia de casarem com pessoas que não sejam coreanas. Sem contar na forte e nada boa influência que eles sofreram e ainda sofrem dos EUA. Vou lhe recordar o fato de que seu idol é criado em um país racista, onde racismo ainda é exposto em tv aberta como algo natural, piada, brincadeira. Seu Idol aprende a ser racista. 
Vamos ao criador do motivo inicial do meu close errado, G-Dragon. Em Agosto de 2013 Jiyong postou uma foto em seu instagram com o rosto pintado de preto. Entendo que alguns podem tentar justificar com "mas ele tava com o rosto pintado por estar gravando o teaser de seu comeback", o mesmo que disse na época. Porem nada justifica o ato dele, foi blackface. O blackface não é gerado só quando o intuito é de "imitar" uma pessoa negra, todo ato e fala racista, por mais que tenha se apagado seu significado socialmente, ainda tem carga histórica e ela pesa. Jiyong é um idol de grande influencia não só no kpop, ele conhece muita gente, tem muita informação na sua bagagem não me venham aplicar desculpas de que ele poderia não saber sobre o blackface. Na época usei justificativas bem ridículas pra defende-lo como: Ele trabalha com pessoas negras em sua banda, ele tem crianças negras em seu mv, ele é amigo da família Smith, etc. Vamos aos fatos: Você não deixar de ter atos racistas por conviver ou ser amigo de pessoas negras. Você pode ser contra o racismo, mas pode reproduzi-lo como qualquer outro racista sem ao menos perceber. As pessoas tratam racismo (como os demais sistemas de opressão) como singularidade, quando na verdade o racismo requer pluralidade. O racismo é um sistema de opressão estrutural, ele se encontra em todas as áreas da vida de uma pessoa negra. Dar risada do cabelo crespo da coleguinha? Racista. "Nossa fuluna/o é uma negra bonita!"? Racista. Fala pro amigo negro/a "Eu vou de Tarzan e você de Xita"? Racista. O segurança das Lojas Americanas que teima em seguir qualquer adolescente negro que entra na loja? Racista. E entre tantas outras coisas muito mais profundas que pra citar, teria que esclarecer fatos que gerariam aulas extensas nessa postagem. A questão é:G-Dragon cometeu sim um ato racista.
Mas não vamos achar que somente ele é o racista da historia, como falei: O seu idol é racista. O histórico de blackface não só no kpop mas em todo cenário do entretenimento coreano é grande. Um dos maiores exemplos foi o grupo BubbleSister que tinham impregnado em seu conceito o blackface. Ou em vários momentos da tv coreana em que Idol ou Mcs se pintam para representar pessoas negras. Outros atos como usar cabelos crespos, tranças ou dreads como caricatura, e algo louco, sujo em seus conceitos também contribuem para esse sistema racista. 
Taeyang, também do BigBang, também teve o seu momento racista do game. Usando um app que muda o seu rosto pra de animais, artistas conhecidos e etc. Ele postou uma com o rosto do Kenye West com a legenda "Feliz ano do macaco". Acredito que não preciso explicar a problemática aqui presente. Vocês se lembram das 50000 piadas sobre a pele do idol que você já fez? Ou as associações de "negão" que já colocaram em seus idols? Acredito que o Kai (EXO) e o Rap Monster (BTS) lhe vieram de imediato em mente. Na Coreia o conceito de pessoas negras é bem mais embaixo do que vocês pensam. Se você não é pálido o suficiente logo você sofrerá. Quem lembra do episodio em que perguntaram ao Taemin, do SHINee, qual era a fraqueza do Kai e ele logo respondeu "A pele dele é tão escura." Ou das inúmeras vezes que algum SNSD fez comentários de desagrado sobre a pele uma da outra? E eu lhes peço, quase imploro a vocês: Parem de chamar o idol de vocês de "negão". Isso só é reflexo e fortalece mais ainda uma imagem estereotipada das pessoas negras. Pessoas 100% viris, fortes, badass, perigosos, machões... So just stop!
Vamos lembrar daquele close sem direito a explicação que o Baekhyun (EXO) e o Key (SHINee) deram ao usar uma camisa escrita "White power". Um erro duplo, já que o ato foi racista e pasmem, eles não são brancos. E aquele clássico e inesquecível da Taeyeon do SNSD que quando começou a tocar uma musica da Alicia Keys: "Para uma pessoa negra, ela é muito bonita". Tão achando muito pra um Kpop só: eu ainda nem falei das inúmeras vezes que grupos como BTS, BlackB, BigBang e tantos outros cometeram apropriação cultural, de comentários maldosos do Twice, do racismo escancarado da Sannon, de atos racistas do Super Junior, GOT7 e etc, etc, etc. O seu idol é racista.
Esse post corre o grande rico de ser atacado por mil fãs porem eu não estou nem ai. Laís Reis, 20 anos, passou 17 anos de sua vida se odiando. Odiando seu cabelo, sua pele, seus traços e tudo isso pelo simples fato de ser negra e nem fazia ideia e nem imaginava um dia em se afirmar como uma. "Que negra? Ta louca? Eu sou morena!". Eu não me odiei por tanto tempo, eu não me martirizei tanto assim pra agora apoiar close errado de gente que só faz abrir as feridas do meu povo. Podem falar o que quiser, podem xingar o quanto quiser, me chamar de mimizenta, foda-se não volto atras. Bato de frente com branco elitista, não vou tremar com fã de internet. O SEU IDOL É RACISTA.

16 comentários:

  1. Que pisão <3

    Algumas pessoas se ofendem com a expressão o seu idol é racista quando não param pra pensar que o que forma o gênio, as ações e a postura social de uma pessoa é a sociedade em que ela vive, e que no caso dos idols, a sociedade coreana (asiática) é racista sim.

    E caramba, se um país latino, misto, como é o Brasil, tem racismo (o irônico é que por ser brasileiro a gente já é misturado, mas os cara são racista mesmo assim), imagina em países homogêneos como na ásia, onde mestiços não são comuns.

    Também sou negra, mas nunca cheguei a me odiar por isso. Eu sofri bullying na infância e cara, isso me marca ainda hoje, mas ainda assim gosto de ser quem eu sou (só tive problemas com meu corpo, porque eu era magra demais). Podem tentar me fazer chorar, mas cair eu não caio.

    Queria que mais pessoas dentro desse fandom imenso entendessem a barreira cultural e parassem tanto de se ofender e de defender coisas erradas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! É algo bem simples de entender (como vc acabou de resumir perfeitamente), mas infelizmente a grande maioria parece fechar os olhos e ouvidos pra isso.
      Mas não vamos perder as esperanças não é mesmo? Uma hora dá certo! ♥♥

      Excluir
  2. Olá tudo bem? Então, vou deixar a minha opinião sobre o seu post:
    Eu concordo plenamente com você e em 100% de tudo o que disse, mas, mesmo eles sendo um país com tanto incidente com racismo, existem muitas pessoas que não são. Como eu sei? Então, eu tenho um amigo coreano que é puro nasceu coreano e a família é bem tradicional. Ele já namorou mulher negra, mulata, russa e etc.. Eu conversei várias com ele e sempre perguntei sobre o racismo na Coréia e ele me disse que existe sim o racismo mas não como a indústria mostra. Muitos são casados com negros, estrangeiros e muita coisa mudou por lá. A indústria do kpop é uma coisa, nada do que vamos as pessoas comum vivem. Exemplos? Ele mesmo é mais escuro, não tem pele branca e não se importa com pessoas de pele branca. Ele disse que a maioria dos coreanos sonham em namorar e até casar com estrangeiras independente da cor que a pessoa tenha. Realmente, o racismo existe na indústria do kpop e não é pouco, mas o que eles passam e já está enraizado dentro desta indústria e que milhões assistem e acompanham achando que todo mundo da Coréia faz a mesma está bem errado. É só vocês procurarem no youtube os vários vídeos e documentários que tem de coreanos casados com negros, e de outras etnias.

    O que eu quero dizer é que existe sim o racismo mas não como a indústria do kpop nos mostra..

    Beijo amore <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Roh. Então, não estou me baseando somente na industria do entretenimento coreano para argumentar aqui e sim, numa sociedade no geral. Infelizmente o seu amigo não fala por toda uma sociedade, assim como os meus amigos brancos que dizem que o Brasil não é tão racista, não falam pela realidade aqui presente. Esse desejo dos coreanos por estrangeiros não passa de fetiche. De fato vários coreanos/as não veem problemas em se relacionar com pessoas de outras etnias, porém o índice de relacionamentos estáveis, duradouros e casamento entre os mesmo é extremamente baixo. Isso significa que enquanto for temporário é ok, mas nada mais que isso. Boa parte das matérias e documentários relacionados a "miscigenação na asia" se baseia na crescente minima que ocorre. Alguns casos isolados que causam estrondo por não ser algo normal como aqui no ocidente. Indico que veja alguns documentários sobre racismo, xenofobia e intolerância na Coreia, em especial. Coreanos são preconceituosos ate com pessoas de dentro da asia. Vou repetir algo que disse no começo do post "se não entende uso de generalização, vai se apertar na postagem". A generalização é adotada em todo e qualquer texto, pauta, discurso, etc. Em algo que a grande maioria fala mais alto, não tem espaço pra abrir exceções. E infelizmente aqui se encontra uma maioria gritante.
      Enfim, mais uma vez, infelizmente seu amigo não fala pela maioria do povo coreano. Infelizmente a fala do mesmo não representa a realidade de seu povo. Recomendo que assista alguns documentários retratando o racismo, xenofobia e outros sistemas de opressão na Coreia do Sul.

      O que eu quis dizer com o post é que existe sim racismo na Coreia e o que a indústria coreana nos mostra é só a pontinha do iceberg.
      chu~~~ ♥♥

      Excluir
    2. Gente, ACEITA! Krido, eu sou moreno escurin, eu n me odeio por isso, eu pretendo ir pra coreia ''tentar'' sem idol e algo assim, eu NÃO LIGO apenas não lgio se o povo vai me xinga de ''nigga'' e sla oq. SE UMA PESSOA ME XINGA EU METO MEU RABO DENTRO DO ASSUNTO E ALGUÉM VAI SAIR ROXO! kakaka, dsclp mas eh vdd, o povo ''ach'' q eh superior a alguma coisa, soh pq eh branco. eu me orgulho d viver com esse povo mixuruka e orrendo (segundo eles) do brasil, soh n qro morar com um povo q soh pensa eh criar gente brnca da cor da folhinha de papel do seninha que vende na papelaria. SE KOREANO N GOSTA DE NEGO, ACHO MELHOR MORA LÁ NOS PLANETAS DESCOBERTOS Q TEM AGUA E AR TÁBOM MENINAS? d vdd, o racismo eh uma merda e seu post tah maiz top q o Jimin :)

      Excluir
  3. Olá Laís!

    Primeiramente agradeço por comentar no meu blog e me trazer para este mundo incrível (seu blog~)

    Segundamente, assunto delicado esse neh? Racismo existe em todo lugar do mundo e infelizmente em alguns a ocorrência é extrema! Dizer que não existe é uma hipocrisia e ignorância absurda! Meus amigos tem a tonalidade da pele mais escura do que eu e nós vivemos debatendo sobre como eles seriam recebidos na Coréia. Com origens de centenas de anos modificar uma cultura como a coreana é difícil, mas eles estão começando a mudar! A juventude está quebrando diversas imposições aos pouquinhos, vamos aguardar então que essa concepção de raça pura e pele mais branca que a neve torne-se irrelevante para uma relação! Eu fico muito triste que pessoas que admiramos tenham essa ideia e preconceito... Desejo e espero que o mundo transforme-se em um lugar melhor <3

    -Kissus-
    Visite: www.wtdarkside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lia!
      Ahhhhh eu é quem agradeço.
      Sim, muitos jovens tem mudado suas visões em relação ao racismo mas infelizmente a crescente é minima. Mas mesmo assim, vamos continuar na torcida de que as coisas mudem cada vez mais, não é mesmo?
      Chu~~~♥♥

      Excluir
  4. FINALMENTE OS REFRESCOS. como eu esperei por um texto desses!
    você não falou menos que a verdade, e ainda me fez refletir sobre muita coisa.
    lendo alguns do comentários daqui, pensei em como é a relação coreanos x estrangeiros. eu já vi muuuitos videos no youtube de meninas jovens daqui conversando e querendo ter uma relação com meninos da Coreia. e eu acho que há realmente um fetiche, dos dois lados. aqui, as meninas (ou até mesmo meninos) acham que as pessoas de lá são perfeitas, que todos os homens são educados e encantadores, que são o "oppa" perfeito. e na Coreia, a imagem de alguém estrangeiro, principalmente da mulher "não-branca", é de algo extremamente sexual. e vejo isso como racismo. como se eles apenas aceitassem alguém com pele e traços diferentes se a pessoa servisse para satisfazer o seu fetiche sexual.
    o seu texto é incrível, realmente. parabéns!
    ~ beijos ♡
    b-luevelvet.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é exatamente como você falou. Br (falando do Br porque tenho vivencia e poder de fala pois sou daqui), compra muito a imagem dos coreanos que os doramas vendem, o que é totalmente distorcida de sua realidade. Coreanos não são tão encantadores e graciosos como os doramas mostram. Sem contar na imagem totalmente patriarcal a qual submetem as personagens femininas.
      A unica diferença é que aqui as pessoas se iludem em esperar um casamento e vida feliz. Enquanto isso os Coreanos só querem uma noite para nos usar e nada mais.
      E muito obrigada amore. Fico realmente feliz ♥
      Chu~~~♥♥

      Excluir
  5. Vamos começar com: ouch, esse título me acertou como uma voadora no meio da cara. É algo tão fácil de se concluir, mas a gente se desvia disso porque, c'mon, ninguém quer admitir que seu ídolo é racista. Mas crescendo na Coréia, não tem escapatória, é um país racista, xenofóbico e muito preconceituoso. Triste, porém real.

    O lance de chamarem o Kai e o Namjoon de "negões" se instalou tão normalmente, o fandom todo adotou isto como se fosse uma piadinha inocente, mas vamos lá, não é engraçado. É propagar um estereótipo, é preconceito, sim! O que podemos fazer em relação a isso é parar de passar a mão na cabeça dos idols, de apoiar as "gracinhas" que se espalham sobre um tema tão sério.

    Eu tô aqui aplaudindo de pé seu texto porque é claro que nem todo coreano é racista, mas o que cria a exceção é a regra e a grande maioria é racista sim e nós, brasileiros, mestiços, não podemos deixar que algo assim vire uma coisa normal. Continue arrasando assim, não se cale nunca. Adorei.

    Carinhosamente, Jheni.
    empire k. || written feelings

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, o intuito desse título era exatamente esse. Então ele realmente funcionou kkkkk
      São coisas bem simples de se entender, perceber, porém pouco se falava e agora que estamos cada vez mais falando, as pessoas não se prestam a querer ver, entender. Uns por não quererem abrir mão de seus privilégios e outros por não se prestarem a sair desse sistema de alienação com a falsa informação de que o racismo não mais existe.
      Infelizmente isso ainda acontece muito com os fãs, mas cm o acréscimo, como você mesma disse, de não querer assumir que os seus idols perfeitos são racista.
      Ahhhhhh Obrigada amore. Fico muito grata!
      Chu~~~♥♥

      Excluir
  6. Infelizmente tudo verdade :c
    Como podemos ver, n é só o Brasil é repleto de racismo, né? O mundo eu queremos viver ainda está um pouco longe de ser atingido mas sigamos fazendo nossa parte e sem aceitar covardias <3
    beijo
    Neoguedes

    ResponderExcluir
  7. Fiquei triste agr, é dificil aceitar que seu K-idol é racista.

    ResponderExcluir
  8. Posso dizer uma coisa? Esse post foi incrível, todos eles apredem a ser racistas e preconceituosos, assim como nós, porém aqui os olhos estão se abrindo aos poucos, lá é como se fosse normal...
    Bem sinistro isso.

    ResponderExcluir

»